PortuguesIngles
Facebook
Twitter
LinkedIn
Media
- Imprensa

INSEAD entregou ao Presidente da República as conclusões da conferência “ Portugal – Leaping Forward”

A Direcção da Associação dos Antigos Alunos do INSEAD entregou ao Presidente da República as conclusões da conferência “ Portugal – Leaping Forward”, no passado mês de Outubro numa audiência no Palácio de Belém.
Para continuar a ler esta noticia clique aqui e para aceder ao resumo das conclusões da conferência clique aqui
PORTUGAL LEAPINGFORWARD - 16.MAR.12 - Download das apresentações

Veja as fotos do evento na página do Facebook da AAA INSEAD PORTUGAL em http://www.facebook.com/groups/177233073696/

"Portugal está no ponto de dar a volta"

As últimas privatizações em Portugal revelaram que há investidores interessados no país, afirmou o economista António Borges, actual responsável pela supervisão daqueles processos e ex-director do FMI, na sessão final da recente conferência dos Antigos Alunos do INSEAD Portugal.

 

Para continuar a ler a notícia, clique aqui.

Moçambique será pioneiro na recepção de programa de empreendedorismo

Graças a um protocolo assinado entre o Instituto de Empreendedorismo Social (IES) e a escola de negócios INSEAD, durante a Conferência "Portugal Leaping Forward??, Moçambique será o primeiro país lusófono a receber programas empreendedorismo social.

 

Para continuar a ler a notícia, clique aqui.

Case study sobre a Renova distinguido

O estudo de caso desenvolvido pelo Insead sobre a Renova foi distinguido nos Ecch Case Awards, prémios que reconhecem a excelência mundial de case studies.
A estratégia de marketing irreverente da Renova foi destacada como factor de crescimento de negócio.

 

Para continuar a ler a notícia, clique aqui.

António Borges defende capital estrangeiro em Portugal

Para António Borges a economia nacional necessita de “muitíssimo mais abertura”, o que só será possível convidando "os estrangeiros para vir concorrer connosco". O economista, que está agora à frente da comissão de acompanhamento das privatizações, defende a grande participação de investidores estrangeiros nos processos de privatização em curso. "A estratégia da economia portuguesa nos últimos 15 anos foi de fechar o país", criticou Borges na sexta-feira, numa conferência do INSEAD.

 

Para continuar a ler a notícia, clique aqui.

"Os mercados de capitais estão a nadar em cash"

Poderá o mercado do Sul da Europa ser o mais interessante do mundo? Para o CEO do Crédit Suisse Iberia, António Viana Baptista, é evidente.

 

Para continuar a ler a notícia, clique aqui.

António Borges ficou "impressionado com cortes".

Ex-dirigente da Goldman Sachs diz-se "impressionado" com cortes. Gestor ganhava 220 mil euros no FMI; vai receber 54 mil na Jerónimo Martins António Borges vai receber um quarto Vítor Rios.

 

Para continuar a ler a notícia, clique aqui.

Isabel Vaz: "Só preciso que o Estado não me chateie"

"Não precisamos de nada do Estado, não preciso que o Estado me dê doentes. Só preciso que o Estado não me chateie", disse hoje a presidente executiva da Espírito Santo Saúde, Isabel Vaz, durante uma conferência organizada pelo INSEAD, no CCB em Lisboa, em que a gestora falava sobre turismo de saúde em Portugal.

 

Para continuar a ler a notícia, clique aqui.

CEO da Eurocash: Em Portugal "há impunidade total. O crime compensa"

O CEO da Eurocash, Luís Amaral, fez hoje um retrato demolidor sobre o sistema de ensino português que "promove a mediocridade", o sistema judicial em que o crime compensa, e um sistema financeiro que dá dinheiro a pessoas e não às ideias. Durante um encontro do INSEAD no CCB, o líder da Eurocash criticou ainda a falta de apetência da economia portuguesa para o risco.

 

Para continuar a ler a notícia, clique aqui.

"Há capital para pôr os bancos outra vez em base sólida"

O economista António Borges afirmou hoje que o programa de assistência financeira a Portugal tem capital suficiente para pôr os bancos numa "base sólida" e defendeu que era "melhor" que accionistas privados tomassem conta destas instituições financeiras.

 

Para continuar a ler a notícia, clique aqui.

Conjuntura: António Borges defende abertura da economia portuguesa

O economista António Borges afirmou hoje que Portugal precisa de uma "inversão radical" na estratégia de política económica e defendeu a abertura da economia.

 

Para continuar a ler a notícia, clique aqui.

António Borges: "Há capital suficiente para pôr os bancos outra vez em base sólida"

O economista António Borges afirmou hoje que o programa de assistência financeira a Portugal tem capital suficiente para pôr os bancos numa base sólida e defendeu que era melhor que accionistas privados tomassem conta destas instituições financeiras.

 

Para continuar a ler a notícia, clique aqui.

António Borges: "Precisamos de convidar os estrangeiros a virem concorrer connosco"

O economista diz que Portugal precisa de uma "inversão radical" na estratégia de política económica e defende a abertura da economia António Borges falou no INSEAD.

 

Para continuar a ler a notícia, clique aqui.

Alumni do INSEAD debatem sobre futuro de Portugal

Que caminhos deve seguir Portugal e que oportunidades devem ser aproveitadas para o país "dar o salto" rumo a uma aspiração de prosperidade, eis os temas em debate na conferência da Associação de Antigos Alunos do INSEAD Portugal, que se realiza no próximo dia 16, no Centro Cultural de Belém, em Lisboa.

 

Para continuar a ler a notícia, clique aqui.

Portugal precisa de "estratégia a longo prazo" que rompa com "cultura de proteccionismo"

Portugal necessita de uma estratégia e de uma estrutura que permitam ter uma visão da economia a longo prazo para enfrentar os desafios da globalização, sem "os receios da uma cultura proteccionista" prevalecente, afirmou hoje o professor da Nova School of Business and Economics.

Para continuar a ler a notícia,  clique aqui.
O "salto em frente" de Portugal

A  Associação dos Antigos Alunos do INSEAD, a escola de negócios de Fontainebleau, organiza a 16 de março uma conferência subordinada ao tema "Leaping Forward" (salto em frente).

Para continuar a ler a notícia, clique aqui.
Primeira Hora - Leaping Forward - Ddiário Económico

Num momento em que Portugal atravessa um período de forte ajustamento e se questionam as opções tomadas para a economia portuguesa, o Centro Cultural de Belém, em Lisboa recebe, esta sexta-feira, a conferência Leaping Forward. O propósito é discutir o rumo indicado para tornar o país mais competitivo.Para nos falar da conferência, tivemos connosco Maria João Carioca, Joaquim Paiva Chaves e Antonio Guedes Sousa, ex alunos do INSEAD.

Futuro de Portugal é tema da Conferência dos Antigos Alunos do INSEAD

Que caminhos deve seguir Portugal e que oportunidades devem ser aproveitadas para o país “dar o salto” rumo a uma aspiração de prosperidade, eis os temas em debate na Conferência da Associação de Antigos Alunos do INSEAD Portugal, a ter lugar em Lisboa, no dia 16 de Março. (saber mais)
Presidente da AICEP na Conferência Leaping Forward

António Borges, ex-reitor do INSEAD e responsável até há pouco pelo Departamento Europeu do FMI na Europa, Dipak Jain, actual reitor do INSEAD, Pedro Reis, presidente da AICEP, e empresários de topo nacionais reunem-se no dia 16 de Março em Lisboa para debater quais os caminhos deve seguir Portugal e que oportunidades devem ser aproveitadas para o país “dar o salto”, rumo a uma aspiração de prosperidade (saber mais)
Conferência da Associação de Antigos Alunos do Insead Portugal analisa caminhos para o futuro

Que caminhos deve seguir Portugal e que oportunidades devem ser aproveitadas para o país “dar o salto” rumo a uma aspiração de prosperidade, eis os temas em debate na Conferência da Associação de Antigos Alunos do INSEAD Portugal, a ter lugar em Lisboa, no dia 16 de Março.

Com as presenças do actual e antigo Reitores do INSEAD, respectivamente Dipak Jain e António Borges, de economistas ligados àquela instituição e ainda de responsáveis máximos de várias empresas portuguesas, o encontro decorre sob o lema “Portugal - Leaping Forward”, discutindo as rotas possíveis para o desenvolvimento de Portugal numa perspectiva de médio e longo prazo

Como é que o país é visto pelo exterior e quais os sectores da nossa economia com mais potencial para vingar no mercado externo são igualmente temas em destaque no evento da prestigiada associação.

O INSEAD é uma das maiores e melhores escolas de negócio mundiais com “campus” em França, Singapura e Abu Dhabi, integrando 141 docentes de 35 países que formam anualmente no seu programa de MBA mais de 1.000 alunos de todo o mundo. A presença global e a diversidade de nacionalidades e culturas é a palavra de ordem desta instituição, que se auto-apelida de “The Business School for a Better World”.

Em Portugal existem 540 alumni desta escola, dos quais cerca de metade oriunda do programa de MBA Entre estes contam-se os nomes de António Horta Osório e António Viana Baptista, recentemente eleitos entre os 50 alumni com mais impacto internacional nos 50 anos de existência da escola de negócios.
Estudo Insead sobre Renova ganha Top Global Case Study Award

Um estudo de caso desenvolvido pela portuguesa Raquel Seabra do  INSEAD sobre a Renova foi distinguido nos Ecch Case Awards, prémios que reconhecem a excelência mundial de case studies.

'Avant-garde Marketing in a Commoditized Category', o case study começou a ser ensinado no MBA do INSEAD em 2010 e desde então já foi usado noutras escolas de gestão de todo o mundo, incluindo Kellogg, Standford, Duke, HEV e LBS.

O caso Renova, distinguido na categoria Overall Winning, foi preparado durante um ano por investigadores do INSEAD e analisa de forma exaustiva o percurso de uma marca que ousa romper cânones, inovando continuamente produtos, processos e metodologias de trabalho.

O estudo do INSEAD documentou como a Renova, uma empresa europeia e privada de produtos de papel com sede fora de Lisboa, conseguiu diferenciar-se dos seus concorrentes internacionais, transformando o papel higiênico branco de uma commodity para um produto premium e entrando em novos sectores de actividade através de um marketing inovador.

O resultado foi "Renova Black", o primeiro papel higiênico preto do mundo, que rapidamente passou de uma novidade para um item de moda de luxo. Igualmente e à mesma velocidade, a empresa mudou dos corredores de supermercado para boutiques de hotéis e desfiles de moda.

Este Prémio será decerto abordado como exemplo de inovação na Conferência promovida pela Associação dos Antigos Alunos (AAA) do INSEAD Portugal, dia 16 de Março, e que traz a Lisboa gestores de topo nacionais, entre eles o Presidente da Renova, Paulo Pereira da Silva, para debater quais os caminhos deve seguir Portugal e que oportunidades devem ser aproveitadas para o país “dar o salto”, rumo a uma aspiração de prosperidade.

Trata-se da Conferência “Leaping Forward”, a qual conta, como oradores principais dos dois debates em perspectiva, com António Fatas e Daniel Traça, académicos daquela escola, além de Luis Cunha, da McKinsey & Company. António Borges, ex-reitor do INSEAD e responsável até há pouco pelo Departamento Europeu do FMI na Europa, Dipak Jain, atual reitor do INSEAD, Pedro Reis, presidente da AICEP, e outros empresários de topo nacionais também estarão no encontro. Reunem-se no dia 16 de Março em Lisboa.
António Borges e empresários de topo discutem caminhos para o futuro de Portugal

António Borges, ex-reitor do INSEAD e responsável até há pouco pelo Departamento Europeu do FMI na Europa, Dipak Jain, atual reitor do INSEAD, Pedro Reis, presidente da AICEP, e empresários de topo nacionais reunem-se no dia 16 de Março em Lisboa para debater quais os caminhos deve seguir Portugal e que oportunidades devem ser aproveitadas para o país “dar o salto”, rumo a uma aspiração de prosperidade.

Trata-se da Conferência “Leaping Forward”, organizada pela Associação dos Antigos Alunos (AAA) do INSEAD Portugal, a qual conta, como oradores principais dos dois debates em perspectiva, com António Fatas e Daniel Traça, académicos daquela escola, além de Luis Cunha, da McKinsey & Company.

O naipe de comentadores para o debate da manhã, sob os temas “O Contexto da Economia Mundial” e “Portugal: Moldar uma visão para o Futuro” inclui António Viana Baptista (Credit Suisse Iberia), Luis Amaral (Eurocash), Luís Portela (Bial) e Paulo Pereira da Silva (Renova).

Na sessão da tarde, para o tema “Motores de Crescimento”, estarão presentes António Simões (Nutriveste), Isabel Vaz (Espirito Santo Saúde), Pedro Reis (AICEP, Portugal Global), e Vitor Neves (Colep Portugal).

Num momento em que Portugal atravessa um período de forte ajustamento económico e se questionam as opções passadas e futuras, a AAA INSEAD Portugal pretende contribuir para uma nova visão do desenvolvimento do País.

O INSEAD é uma das maiores e melhores escolas de negócio mundiais com “campus” em França, Singapura e Abu Dhabi, integrando 141 docentes de 35 países que formam anualmente, no programa de MBA, mais de 1.000 alunos de todo o mundo.

A presença global e a diversidade de nacionalidades e culturas é a palavra de ordem desta instituição, que se auto-apelida de “The Business School for a Better World”.

Em Portugal existem 540 alumni desta escola, dos quais cerca de metade oriunda do programa de MBA. Entre estes contam-se os nomes de António Horta Osório e António Viana Baptista, recentemente eleitos entre os 50 alumni com mais impacto internacional nos 50 anos de existência da escola de negócios.

Sponsors
Partners
Media - Partners
Copyright © 2012 AAA Insead Portugal | © Todos os direitos reservados